Pai tem que dar o exemplo

Um amigo meu vivia corrigindo o filho para não chutar a bola dentro de casa, pois podia acertar alguma coisa e quebrar.

O garoto ia lá e chutava. Mesmo o garoto não quebrando ou acertando nada, ia lá e colocava o menino na cadeira do castigo para pensar no que fez.
O garoto, óbvio, reclamava bastante, acho que fazia uma pirraça ou outra e depois do tempo mínimo, o pai ou a mãe (quem colocou o menino no castigo) ia lá, conversava sobre a besteira que fez, obriga a criança a pedir desculpas e prometer que não vai fazer mais (mesmo sabendo que vai acabar fazendo de novo, insista para ganhar pelo cansaço). Ok? Tudo resolvido? Pois bem… Criança livre do castigo e vida que segue normalmente.

Só que… Um belo dia… Eis que esse meu amigo… Vai lá e chuta a bola dentro de casa e pega em não sei o que e o menino viu.
Adivinha o que o garoto disse??
Hehehehe, isso mesmo.
-Papai… Você chutou a bola… Tem que ir para a cadeira do castigo!!!
– Mas filho… É que… (e a cara do moleque fechando com ar de injustiça).
Hehehehe, pois é… Um gigante de quase 2 metros foi parar na cadeirinha de castigo.
Sorte que ele usou a contagem de tempo do filho. Se fosse seguir a recomendada de 1 minuto para cada ano de vida… Ia ficar mais de meia, hora sentado.
Hehehehe, tem que dar o exemplo!!!

Tomou papudo??
=]

Nenhum comentário


  1. Só não vou divulgar o nome, senão acaba com a moral do meu amigo.=]

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *