Envolvimento do Pai na vida das filhas pode evitar casamento na infância – Matéria

Acha que um pai pode ser uma grande ausência na formação emociona e psicológica de uma criança? E, especificamente, de uma menina?
Conheço muitas mulheres, já adultas, formadas, independentes e bem resolvidas, que ainda carregam muitos problemas afetivos derivados da ausência paterna.

Mas o quanto essa ausência influencia na vida afetiva delas?
Uma pesquisa recente afirma que essa carência é responsável por um grande número de casamentos precoces, inclusive infantis.

Muitas adolescente e crianças, sem orientação presente dos pais, acabam procurando o que nunca tiveram em suas cabeças, uma família completa. Para isso, acabam engravidando mais cedo para se tornarem mães e mulheres mais respeitadas, para poderem ter um homem presente em suas vidas, e nos casos, sempre homens mais velhos, com pelo menos 5 anos a mais que elas…

Matéria publicada no site Saúde Plena, intitulada: Envolvimento do Pai na Vida das Filhas pode evitar casamento na infância, mostra que o número de garotas sem pais, que se casam precocemente, é muito grande, colocando o Brasil em 4ª posição no ranking mundial de países com casamento infantil.

infancia perdidaO irônico disso tudo, é que por anos o Brasil fomentou a separação de corpos, entre homens e seus filhos, dando quase que exclusivamente a guarda as mães, criando uma cultura de desapego nos homens (não que isso livre eles de culpa não), já que numa separação, tão comum nos tempos modernos, eles perderiam mesmo o acesso aos filhos… geramos então um ciclo muito ruim que resulta, entre outras coisas, nessa posição mundial de casamentos infantis, que acho terrível.

Mais de 65.000 meninas entre 10 e 14 anos estão casadas… Isso é horrível, e ainda achamos que o problema não é passível de ser encarado por entidades públicas como uma “pandemia social” grave.

Deem uma lida na matéria e tirem suas conclusões.
Acham que estou exagerando nos meus comentários? Então, contra argumente.
Por isso que sigo na luta pela valorização da paternidade. Acho que garantir o acesso de um pai é fundamental para a formação de qualquer criança.
Grande abraço a todos!
Força e Honra, Sempre!

Acha que é só no mundo muçulmano e no hindu que isso acontece? Repense melhor…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *