À Procura da Felicidade – Filme

Poster do filme

É um dos meus favoritos como representante cinematográfico da dedicação de um pai para com um filho.
É um filme lindo, tocante, emocionante e o pior… é biográfico, o que dá mais força ainda as dores por que passam os personagens.

Para quem não conhece, segue a sinopse do site adorocinema.com sobre o filme:
“Chris Gardner (Will Smith) é um pai de família que enfrenta sérios problemas financeiros. Apesar de todas as tentativas em manter a família unida, Linda (Thandie Newton), sua esposa, decide partir. Chris agora é pai solteiro e precisa cuidar de Christopher (Jaden Smith), seu filho de apenas 5 anos. Ele tenta usar sua habilidade como vendedor para conseguir um emprego melhor, que lhe dê um salário mais digno. Chris consegue uma vaga de estagiário numa importante corretora de ações, mas não recebe salário pelos serviços prestados. Sua esperança é que, ao fim do programa de estágio, ele seja contratado e assim tenha um futuro promissor na empresa. Porém seus problemas financeiros não podem esperar que isto aconteça, o que faz com que sejam despejados. Chris e Christopher passam a dormir em abrigos, estações de trem, banheiros e onde quer que consigam um refúgio à noite, mantendo a esperança de que dias melhores virão.”

A cena deles no banheiro do metrô… olha… eu me senti na pele daquele homem tendo que passar por tudo aquilo, tentando fazer o filho levar aquela situação toda como se fosse uma brincadeira… e eu aqui me imaginando com meu filho na mesma situação. Meu Deus… que agonia… que coisa desesperadora tudo aqui…
E a certeza dele de que iriam passar por tudo aquilo e ter um final feliz… Olha…

Will Smith

Eu vi uma entrevista com o Will Smith (por sinal… mereceu a indicação ao Oscar) sobre o filme e o quanto foi difícil para ele fazer aquela cena, pois para quem não sabe, o garoto que faz o filho dele no filme, é o filho dele de verdade, Jaden Smith (que viria fazer “Karatê Kid” mais tarde).
Ele se doeu de verdade naquela cena, imaginando ele e o Jaden passando por tudo aquilo. Eu não fiz a cena e me emocionei, imagino ele, como pai, se fazendo passar por tudo aquilo… Nossa…
Imaginem o próprio Chris Garner quando teve que passar por isso de verdade…

O que um pai pode fazer por um filho? Acho que o Chris mostra muito bem na sua biografia.

Dá uma conferida no trailer do filme para ter um gostinho do que esperar do filme.
[youtube=http://youtu.be/6yc069E1gfc]

O filme é de 2007 e tem no elenco o já falado Will Smith, Jaden Smith e Thandie Newton (como a esposa de Cris – Will Smith).
Bom filme e emocionem-se como eu acho que é capaz!
=]

Cena do filme: Will Smith e Jaden Smith

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *