Licença Paternidade

Licença Paternidade - Novas Regras

E no dia 4/maio deste ano, passa a valeu o pacote de licença paternidade para 5+15 dias, para servidores federais. O direito já estava valendo para funcionários privados, desde março desse ano, de empresas que adotaram o programa “Empresa Cidadã”, que dá a empresa benefícios como redução de impostos e garante os 15 dias a mais de licença ao trabalhador. Como vai funcionar tudo isso então? O que quer dizer

Licença Paternidade no Brasil, o debate aumenta.

A licença paternidade, atualmente, é de 5 dias úteis para nós homens, mas tem, crescido um debate maior sobre a ampliação desse período. Eu já fui convidado até para explanar sobre isso num programa de TV (em breve eu anuncio a data que vai ao ar), e levantei alguns fatos acerca da problemática. Existe um projeto de lei para ampliação para 30 dias de licença, do senador Álvaro Dias (PSDB/PR),

Jurisprudência de uma Licença de 180 dias para um Pai Solteiro

Recebi de uma grande amiga minha, uma reportagem muito legal, que me deixou muito feliz. Foi concedida uma licença de 180 dias para um servidor federal que acabara de adotar um garoto de 4 anos. Isso mesmo… 180 dias e remunerada e nem para um recém-nascido era. A luta por uma licença paterna maior é muito importante para todos os envolvidos, mas nesse caso, é um caso único no Brasil,

Licença Paternidade tem de ser Ampliada

Existe no país, uma campanha pelo aumento da licença paternidade, que atualmente é de 5 dias úteis, para 30 dias corridos e até para 90 dias corridos (que milagre seria…) Já escrevi sobre isso em duas publicações anteriores: – Licença Paternidade – Abaixo Assinado – Projeto de Lei: Licença Paternidade de 30 dias – Assinem Mas… agora quero mostrar alguns avanços nessa direção e um comparativo internacional… Licença Paternidade ampliada por algumas empresas

Abaixo Assinado - Projeto de Lei: Licença Paternidade de 30 dias - Assinem

Galera, segue o link do abaixo assinado para o projeto de lei de licença paternidade de 30 dias. Dá uma olhada no site e compartilhe para quem puder assinar e apoiar essa causa que visa não só um direito do pai de desfrutar esse período tão importante e afetuoso com seu(s) filho(s), visa o apoio a mãe, que pós-parto, fica tão vulnerável nos afazeres das necessidades desses pequenos seres. Contamos

Licença Paternidade

Todo homem empregado, com carteira assinada que venha a se tornar pai, tem direito a solicitar (e acho que deve mesmo) a sua licença paternidade. Esse direito foi decretado na constituição federal de 1988 e garante 5 dias de licença para o pai ajudar a mãe nos pós-operatórios e curtir o novo rebento nessa fase que requer tantos cuidados. A lei garante 5 dias úteis. Pois é, se seu(sua) filho(a)