Borrando a Papá – Documentário

Eu achava que no Brasil, a situação era ruim, mas parece que na Argentina é bem pior.
Encontrei esse documentário sobre a situação dos pais que são impedidos de ver seus filhos e quais são as ditas justificativas que determinam esse tipo de coisa.

Hoje, no Brasil, mesmo com a guarda compartilhada em curso, muitos são os casos de famílias que enfrentam problemas para que seus filhos tenham acesso aos seus genitores.
Mas muita coisa melhorou por aqui.
Na Argentina, o vídeo mostra muito de como era aqui também antes dessa lei.

Acha que o pai não é importante na vida de uma criança?
Me desculpe, mas isso, para mim, é a resposta de uma pessoa rancorosa que ou não teve um pai decente, ou cresceu sem ter a possibilidade de ter algum acesso a ele e foi alienada dele, acreditando que pais separados são pais ruins e é melhor manter distância deles por tantos “fatos” ruins que são atribuídos a eles.

Bem, vou ficar por aqui nesse discurso, pois ele é longo demais e poderemos falar sobre isso uma outra hora. Segue o documentário chamado Borrando a Papá, feito pelo diretor Ginger Gentile, que foi vítima de Alienação Parental quando criança.

Força e Honra, Sempre!
Grande abraço a todos!

Deixe uma resposta